27 de abril de 2011

6 Metáforas de um Casamento Feliz


6 Metáforas de um Casamento Feliz from Permanecer / Abide on Vimeo.

Se você tiver um tempinho assista este vídeo, é uma palavra abençoada do Pr. Carlos McCord. Leva quase 54 minutos , mas vale a pena cada segundo. Deus abençoe vcs!

Tânia

Perfeição

Ser perfeito é viver com meu coração completamente aberto para Deus e para o meu próximo. Mateus 5.48 – “Portanto, sejam perfeitos como perfeito é o pai celestial de vocês”
Jesus ilustrou e descreveu esta perfeição antes de chegar a esta declaração.
Vejam os versículos 43 a 47, do mesmo capítulo de Mateus: “Pai, perdoe-os porque não sabem o que estão fazendo.”
Jesus viveu esta perfeição. “ Tendo amado os seus que estavam no mundo, amou os até o fim.” João 13.1
Ser perfeito e ter um coração aberto para Deus e para o seu próximo deve ser o alvo do discipulado.
Colossenses 1.27-28 – “A eles quis Deus dar a conhecer entre os gentios a gloriosa riqueza deste mistério, que é Cristo em vocês, a esperança da glória. Nós o proclamamos, advertindo e ensinando a cada um com toda a sabedoria, para que apresentemos todo homem perfeito em Cristo”
Mateus 10.25 – “Basta ao discípulo ser como o seu mestre, e ao servo, como seu Senhor”.
Quando buscamos o alvo do discipulado menos do que a perfeição do amor erramos, mas temos que crer que a presença perfeita de Jesus é capaz de manter o nosso coração aberto e momento a momento.
Para sermos perfeitos, temos que abandonar as nossas listas de quem merece o nosso amor. O Pai, o Filho e o Espírito Santo não têm uma lista de quem será amado por eles.
O diabo tem uma lista. Qualquer um que ama a Deus e ama aquele que Ele enviou, será odiado.
“Se o mundo os odeia, tenham em mente que antes me odiou”. – João 15.18
O grande mandamento de Jesus para nós é está em Lucas 10.27 – “ Ame o Senhor, o seu Deus, de todo o seu coração, de toda a sua alma, de todas as suas forças, e de todo o seu entendimento e ame ao seu próximo como a si mesmo.”
Faça isso e viverá. Ter um coração assim é viver. Sua vida pode produzir um fruto que permaneça.
 
Pr. Carlos McCord
Texto retirado do blog do Ministério Permanecer.
 
Esse texto me edificou muito e resolvi compartilhar com vocês. Deus abençoe a todos!
 
Tânia



4 de abril de 2011

A trave

Paz queridos!

Como estão? Sei que ando meio sumida deste espaço abençoado, mas não por muito tempo...rsss... já estou de volta!
Hoje gostaria de compartilhar com vcs uma palavra que tem falado ao meu coração ultimamente, nosso péssimo costume de julgar o próximo ao invés de exercitar o amor que Jesus nos ensinou. Olhando para o texto de Matheus 7.3 " E porque reparas tu no argueiro que está no olho do teu irmão, e não vês a trave que está no teu olho?"
Forte esta pergunta não? Muitas vezes criticamos tanto outras pessoas e esquecemos de olhar para nossas falhas. Vivemos escondidos atrás de nossas máscaras de santidade e deixamos de exercitar o amor.
Por vezes não toleramos bem as diferenças que existem entre nós na igreja e criticamos, criticamos e criticamos, sem ao menos nos perguntarmos: O que faz essa pessoa agir assim? O que tem se passado com ela? Ou até mesmo dobrar nossos joelhos e intercedermos em favor desses que muitas vezes nos incomodam,ou aos nossos olhos nos atrapalham e não percebemos o chamado à intercessão. Sabe, tenho descobrido ótimos amigos depois que parei de criticar e aprendi a tolerar, a orar, a olhar com outros olhos. Olhar com misericórdia. Quando olhamos para nosso próximo da mesma maneira em que olhamos para nós, pq vc há de concordar comigo, que sempre achamos justificativas para nossos atos e sempre seremos pobres coitados, mas quando olhamos para o outro o que mais queremos é exterminá-lo se possível. Mas Jesus não nos ensina isso. Ele nos ensina a amar, quando nos manda olhar para nossas falhas, no versículo acima simbolizadas como trave em nossos olhos, Ele esta dizendo: Ei, olhe para você primeiro, você é tão falho quanto ele.
Deus é o único que sonda corações querido, portanto é o único Juiz, o único capaz de julgar a verdade em cada um. Não sejamos hipócritas, mas antes busquemos amar verdadeiramente o nosso próximo, busquemos exercer a intercessão, busquemos olhar para nós mesmos antes de falar do outro, tenho certeza que encontraremos muitas das vezes coisas piores em nós do que no outro.
Que o Senhor nos ajude a amar mais cada dia o nosso próximo, porque se não amamos a nosso irmão a quem vemos como poderemos amar a Deus que nunca vimos?

" Aquele que não ama não conhece a Deus; porque Deus é amor." 1João 4.8

" E, finalmente, sede todos de um mesmo sentimento, compassivos, amando os irmãos, entranhavelmente misericordiosos e afáveis. Não tornando mal por mal, ou injúria por injúria; antes pelo contrário, bendizendo; sabendo que para isto fostes chamados, para que por herança alcanceis a benção."
1 Pedro 3.8-9

Fiquem na Paz!

Tânia
Ocorreu um erro neste gadget
 
Palavras que edificam © 2011 | Designed by Ibu Hamil, in collaboration with Uncharted 3 News, MW3 Clans and Black Ops